QUEM REALMENTE SOU

Minha foto
BUÍQUE, NORDESTE/PERNAMBUCO, Brazil
A VERDADE SEMPRE FOI UMA CONSTANTE EM MINHA VIDA.

segunda-feira, 12 de abril de 2010

OLHAI OS LÍRIOS DOS CAMPOS

        Quando nos sentimentos tristonhos e esquecidos, devemos abrir o nosso espírito e sonhar com os lírios dos campos e nos aliviarmos; elevarmos o pensamento ao Ser Superior e procurar esquecermos de tudo de ruim e do mau que procuram nos impingir nesta vida terrena. Talvez esteja eu querendo descobrir um novo mundo de glórias ou o mistério da vida que sempre me deixou um tanto quanto cético sobre o mundo à minha volta. Mas diletos amigos (se é que ainda os tenho, ou se é que os já tive!) ou mesmo camaradas de beira-de-estrada ou àquele que só percebe você quando de você precisa, quero dizer a vocês que a tudo vou superar na vida, inclusive as incompreensões e covardias das quais tenho sido vítima no decurso de minha vida. Nunca fui homem de negar um pedido de um amigo ou "pseudo-amigo" e outra mais, sempre procurei ser e atender quem quer que seja no raiar da manhã, ainda no escurecer da madrugada e hoje pensei, que deve olhar mais para os lírios dos campos, que não existe beleza maior do que contemplar o mundo e vida através da beleza que nos faz sentir mais fortes, mas gente, mais leve e mais próximos de Deus e da gente mesmo. Na verdade não sou de me curvar e me dobrar a quem quer que seja. Sou homem de palavra e de cumprir com as minhas obrigações. Se falhas tenho, apontai quem quer seja o dedo de quem não as tem em pé de igualdade ou até mesmo em maior intensidade dio que eu, hem camaradas! - Amigo é coisa difícil de se encontrar, porém quando se tem, é coisa difícil de se esquecer, como na canção de Milton Nascimento.

P.S: "Olhai os Lírios Nos Campos", é uma obra prima de Érico Veríssimo, famoso escritor do Rio Grande de Sul.

Nenhum comentário: