SLIDE POSTAGENS

QUEM REALMENTE SOU

Minha foto
BUÍQUE, NORDESTE/PERNAMBUCO, Brazil
A VERDADE SEMPRE FOI UMA CONSTANTE EM MINHA VIDA.

quinta-feira, 24 de março de 2016

OAB FEDERAL PISA FEIO NA BOLA AO APOIAR O IMPEACHMENT DA PRESIDENTE DILMA ROUSSEFF



    Uma das instituições mais respeitáveis, que surgiu ainda na época do Imperador D. Pedro I, é a OAB e, naquela mesma época em que foram criados os primeiros cursos jurídicos no Brasil, em São Paulo e Olinda, em 1824, por Decreto o advogado só poderia advogar a partir do momento em que fosse elevado ao grau de Doutor, daí até hoje ainda vigorar esse decreto de autoria do imperador, e o advogado historicamente ainda ser tratado por doutor nos dias atuais. A Ordem evidentemente, não surgiu com a estrutura que tem hoje, mas ao passar dos tempos foi se estruturando devidamente até chegar ao que hoje é e representa para à sociedade e para os seus afiliados, os advogados, muito embora exista um certo peleguismo dentro do próprio organismo que diz nos representar e aos interesses da democracia.
     Pois bem, essa instituição histórica, sempre esteve ao lado do povo em movimentos que sempre foram contrários aos interesses da sociedade, dos mais sofridos e pela manutenção do Estado Democrático de Direito. O que vimos agora, foi a ida, pura e simplesmente, por uma via de contramão da história, ao se posicionar junto com Eduardo Cunha e seus quarenta ladrões, em favor do ilegítimo impeachment da Presidente Dilma, democraticamente eleita pelo voto popular direto e secreto. Então não dá para entender, principalmente alguns de nós que fazemos parte dessa brilhante e gloriosa profissão da advocacia, a OAB Federal, tomar uma decisão feia contra os rumos da história, as liberdades democráticas e em favor de um esquema golpista comandado por políticos não menos corruptos que os demais e pela grande mídia golpista, que não satisfeita também, em não ver atendidos seus interesses, estão incitando à violência e buscando por todos os meios, tocar fogo neste país.
     Não dá para entender quando existe uma grande maioria de doutrinadores, juristas famosos, estudiosos do assunto, dizendo e provando por A + B, que o impeachment da presidente Dilma é ilegal, é golpista, mesmo assim, a OAB Federal vem a dar o seu aval a um golpismo baixo e antidemocrático, esquecendo a bela história que sempre a enalteceu, orientou e a colocou no ápice dos direitos humanos, dos cidadãos menos favorecidos e do Estado Democrático de Direito. Sinceramente, OAB, quanta vergonha estás a nos fazer num momento tão delicado como esse em que vivemos.
    Posso dizer sem sombra de dúvidas, que como advogado, me sinto na obrigação de defender legalidades e respeitar a já rasgada Constituição Brasileira, quanto tantos desmandos que são cometidos diuturnamente por um Judiciário capenga, por políticos golpistas, uma iniciativa privada, que mancomunada com o poder público sempre quer tirar proveito de tudo e de todos e a OAB se posicionar a favor de toda essa sorte de coisas?! – Dá para entender? – Afirmativamente que não. A nossa OAB Federal pisou na bola e feio e, qualquer que venha a ser a decisão, como bem o disse no Senado Federal nos debates de ontem, o Senador Cristovam Buarque, “que qualquer que venha a ser o desfecho, o sectarismo vai prevalecer”, o bicho vai pegar e isso, vai ficar como uma mancha num organismo classista importante como a OAB, que ajudou num golpe fascista de corruptos, horda de ladrões, quando o certo seria ter optado em defender a manutenção da ordem democrática do Estado de Direito ou então intermediar uma busca de negociação para tentar impedir que o Brasil venha a pegar fogo. A gente percebe que a coisa está feia mesma, quando um dos Ministros do STF, Teori Zavascki, no Rio Grande do Sul, teve sua residência sitiada com sua própria família, só porque veio a colocar um freio de arrumação e ordem no Judiciário, quando um mero juiz comum tendo certeza que é Deus, quis centralizar tudo em suas mãos, quando pela partição do próprio Poder Judiciário (em órgãos de jurisdição), cada magistrado tem os seus próprios limites de competência e isso é um prenúncio do que pode acontecer o pior, seja qual for a decisão que venha a ser tomada. Estamos na verdade entre a cruz e a espada e a vergonha é a OAB Federal vir compactuando com tudo isso. Ah!, OAB Federal, quem te viu, quem te ver. Que vergonha!

Nenhum comentário: