SLIDE POSTAGENS

QUEM REALMENTE SOU

Minha foto
BUÍQUE, NORDESTE/PERNAMBUCO, Brazil
A VERDADE SEMPRE FOI UMA CONSTANTE EM MINHA VIDA.

sábado, 15 de outubro de 2016

AO NOSSO DERREDOR, NÃO SABEMOS QUEM NOS CERCA, PORQUE NA VERDADE, NÃO CONHECEMOS VERDADEIRAMENTE NINGUÉM


        Muito se tem falado sobre quem anda em nossa volta, quem está com a gente, principalmente quando na verdade, às vezes estamos com o diabo do nosso lado, dormimos com o mal, porém não sabemos com quem realmente estamos. As pessoas mais confiáveis na vida de cada um de nós, ainda são nossos familiares, e olhem bem, que às vezes acontecem atrocidades inimagináveis no próprio seio familiar, que nos deixa estarrecidos e indignados como determinados fatos que acontecem em vários casos de mentes tresloucadas e vazias, em várias parte deste mundo afora.
       Você pode até considerar uma pessoa como sua melhor amiga, porém na maioria das vezes, você está lidando com seu pior inimigo e não tem disso conhecimento, porque passou a ter uma confiabilidade tamanha que é incapaz de ver que está ao lado de uma cobra venenosa, imaginando ser um anjo caído do Céu. É assim mesmo que acontece no dia à dia da vida de cada um de nós, camaradas!
       Quantas vezes a gente está envolto num vazio infindo, e não aparece ninguém para te acalentar, te levar uma palavra amiga, um abraço afetuoso, um aperto de mão e isso, a gente tem visto pouco, porque por mais pessoas que existam e estejam próximas umas das outras neste mundo, mais distantes elas ficam umas das outras, como que nada existisse ao nosso derredor.
       Então minha gente, nada mais interessante do que passarmos a nos olhar com mais calor, mais aproximação, mais amizades sinceras e que sejam fiéis, dignas de vermos tais pessoas com outros olhares e não como que, alguém só se servindo de você para obter alguma indevida vantagem ou tão-somente para dizer que é seu amigo. Não é assim que o mundo deveria ser, principalmente quando com tanta gente, na verdade a cada dia que passa nos sentimos cada vez mais sós, principalmente quando o ocaso da vida vem se aproximando do último entardecer.

Nenhum comentário: