QUEM REALMENTE SOU

Minha foto
BUÍQUE, NORDESTE/PERNAMBUCO, Brazil
A VERDADE SEMPRE FOI UMA CONSTANTE EM MINHA VIDA.

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

CANAL DO ALTO DA ALEGRIA EM BUÍQUE

            Já se encontra em fase de elaboração, o projeto para construção do canal para escoamento de águas pluviais, que nas grandes trovoadas provocam enchentes e sérios danos e prejuízos aos moradores do centro da cidade de Buíque e da Avenida Jonas Camêlo, principalmente. O projeto será elaborado para que as águas das chuvas que vem das vilas do Alto da Alegria, compreendo Bairro Frei Damião, São Félix e da região do SESC-LER, sejam escoadas por esse canal para o lado oposto da cidade. Se bem elaborado e dentro dos padrões técnicos da boa engenharia, com certeza resolverá esse problema que ao longo dos anos vem causando sérios danos e prejuízos ao povo de Buíque e que só agora a nova administração procura dar uma solução a esse grande problema que já castiga o povo há muitos anos. A obra custará em média mais de 3 milhões de reais, o que se constituirá numa grande obra a ser tocado pelo Governo Jonas Camêlo Neto. Afora essa grandiosa obra, também já estão sendo efetuados levantamentos topográficos para o saneamento básico da cidade para que, saneada e com a correta construção das vias de esgotamento, possa enfim, vir a cidade a ser asfaltada, porque sem o saneamento básico construído e o canal do Alto da Alegria, fazer o asfaltamento sem essas vitais providenciais, é o mesmo que jogar dinheiro público fora, pois na primeira grande chuva torrencial, o asfalto é carregado pelas águas pluviais que inundam as principais arterias do centro da cidade. Realmente durante este ano, com o aporte de recursos federais, estaduais e conveniados com o Muncípio, muita obra se tem por fazer em Buíque.

2 comentários:

Rodrigo disse...

Tu acredita em papai noel, Mané? Duvido Jonas Fazer esse canal e muito menos asfaltar o centro. Essa conversa é antiga. Não sei de onde tu tiraste essa ideia. O saneamento pode até ser ,mas o canal não!

modesto.blogger disse...

Caro camarada Rodrigo não sei lá de que: Eu acredito em Papai-Noel, em Branca de Neve, nos Sete Anões, nos contos da carochinha, e na imaginação do ser humano, porque quem não sonha vive inteiramente num mundo vazio, sem ter nada a oferecer, certo seu Mané de Galocha!