SLIDE POSTAGENS

QUEM REALMENTE SOU

Minha foto
BUÍQUE, NORDESTE/PERNAMBUCO, Brazil
A VERDADE SEMPRE FOI UMA CONSTANTE EM MINHA VIDA.

sexta-feira, 2 de outubro de 2015

O DIA EM QUE HUMANOS VIRARAM SOMBRAS


  Certamente que todos já ouviram falar na segunda grande guerra mundial. Na verdade, essa guerra teve início com a sandice do alemão Hitler, que eleito massiva e democraticamente com o voto popular do povo alemão, depois veio a mostrar o monstro que realmente ele era e a capacidade tresloucada para tentar criar um Império Nazista do mundo, formada por uma sociedade eminentemente purificada, com um intelecto acima da média, forte e superior. Pelo menos foi assim que nos introjeraram em nossas mentes ao longo da história e, por ter ceifado a vida de mais de 6 milhões de judeus indefesos, foi isso que realmente deve ter acontecido.
 Uma das grandes lições que ficou dessa guerra, foi indiscutivelmente, o início da era atômica, criada a partir da descoberta de Albert Einstein, de origem alemã,porém radicado nos Estados Unidos, que através de uma simples fórmula E=mc2, de que a energia nada mais era do que a desintegração da massa vezes à velocidade ao quadrado, daí com outros mecanismos científicos, criou a energia nuclear, que desencadeou o fabrico dos primeiros artefatos nucleares de guerra, para dizimar milhões de pessoas, tornando-as simplesmente pó ou somente uma réstia de sombra no solo, em face da desintegração pura e simplesmente do núcleo celular de cada partícula de composição de qualquer ser vivo. Segundo também nos mostra a história, ele que foi prêmio Nobel de 1921, pela sua grande descoberta, queria uma fonte de energia para mundo, a ser usada para o bem e não como desde então foi usada, para dizimar impiedosamente vidas humanas ou qualquer tipo de vida no Planeta que esteja diante do círculo de seu alcance devastador e mortal.
  Quando os americanos soltaram as bombas atômicas, já no final da segunda Guerra Mundial, lá por volta de 1945, em Hiroshima e Nagasaki, já existiam um plano de rendição por parte dos que integraram juntamente com o famigerado Hitler, essa guerra até hoje injustificável e inexplicável do ponto de vista de visão de mundo. Misteriosamente, o que pouco é explicado pela história, é o fato de que, alguns estudiosos dizem que o Japão já estava rendido e que o lançamento das bombas nessas duas cidades japonesas, foi simplesmente uma demonstração do poderio bélico na área nuclear, já naquele tempo, dos americanos, usando os japoneses como meras cobaias experimentais para a sua destruidora e letal criação, a bomba atômica, que terminou ceifando à vida de mais de 300 mil vidas de seres humanos e cujas consequências, repercutem até nos dias atuais, para quem viveu àquele inferno sem sequer ter esperado nele chegar.
 Então minha gente, de bonzinhos, os americanos não tem absolutamente nada, sendo a partir do fim da segunda guerra mundial, que eles passaram a se impor ao mundo, como exercem esse poderio injustificável até os dias atuais, sempre buscando meter o bedelho em todas as partes do mundo, como se tivessem tentáculos a manobrar à toda a humanidade, por que em qualquer parte do mundo, existem interesses americanos a ser defendidos por eles, que no geral, quando se trata de países pequenos e sem força, eles no geral pintam e bordam, como se fossem eles, a palmatória do mundo e, do ponto de vista histórico, até prova em contrário, o são de verdade.
  Tudo no mundo gira em torno dos Estados Unidos, que podem tudo, tendo inclusive o poder exclusivamente de controle da expansão da energia nuclear através da Organização das Nações Unidas – ONU, que no geral, só os países integrantes da elite mundial, que atualmente chega a uns 14, são quem decidem por todo o resto do mundo. Eles também, não cumprem as determinações da ONU, a exemplo da invasão e da guerra indevida do Iraque, que ainda é um caso mal resolvido e um calo no sapato do poderio americano, a exemplo do Estado Islâmico, apesar de ter tanto poder de mando, mas vez por outra, são vítimas do veneno que eles mesmos plantaram e tudo fazem a cada dia que se passa, para avançaram ainda mais em eficientização de preparo de pessoal de elite de suas forças de defesa e de inventos de guerra cada vez mais sofisticados e ainda mais letais, a ponto de numa provável terceira guerra mundial, se acaso ficarem alguns sobreviventes, será como se fora a repetição da Arca de Noé, para vir a recomeçar tudo de novo da estaca zero.
   É assim que se pode matar fulminantemente milhões de pessoas e dizimar, tornando-as em mero pó, a vida de a maior parte da humanidade e, os americanos teem esse poder de fazer isso, o que no meu ponto de vista, eles representam um grande perigo para todo o globo terrestre, apesar de termos grandes países, a exemplo da China, em desenvolvimento, entre outros países asiáticos, como a Coréia do Norte que em parte, de uma forma ou de outra, sem falar na Rússia, representam o contrapeso a esse poderio americano, que tanto medo e terror tem imposto ao mundo, desde o mais atrasado, ao mais civilizado.

Nenhum comentário: