SLIDE POSTAGENS

QUEM REALMENTE SOU

Minha foto
BUÍQUE, NORDESTE/PERNAMBUCO, Brazil
A VERDADE SEMPRE FOI UMA CONSTANTE EM MINHA VIDA.

segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

O PAPA FRANCISCO ESTÁ CERTO EM DESMASCARAR DOGMAS DANTES INTOCÁVEIS



    Sempre fui um cético em se tratando de determinados assuntos bíblicos envolvendo determinados dogmas religiosos. Alguns deles estão relacionados com a existência de Céu, de Inferno, de Adão, de Eva e da vida eterna. Na verdade esses assuntos de certa forma, sempre foram dogmas, tabus adotados pela Igreja Católica Apostólica Romana e por quase todas outras denominações religiosas dentro do Cristianismo. Na verdade, a Bíblia pode ser um livro sábio, antiquíssimo, o mais lido do mundo, mas nem por isso pode ser considerado um dogma inquestionável, ao buscar se interpretar o significado de determinadas passagens nas entrelinhas, muitas das quais, não refletem a realidade do que de fato aconteceu, como deve ser e pode ser a verdade inconteste. Tudo na vida é relativo. Nada é absoluto.
   Não quero aqui ir de encontra à religiosidade de quem quer que seja, mas em muitos trechos bíblicos, não dá de forma alguma, para acreditar em determinadas coisas sem questionar, afinal de contas, esse importante livro para à humanidade, foi escrito ao longo dos tempos por diversas pessoas e em idiomas que sequer se sabe ao certo se foram traduzidos à risca sobre o real significado do que quem escreveu quis realmente expressar. Inequivocamente, existem muitos ensinamentos positivos e que servem de base para a humanização dos povos até os dias atuais, apesar de haver sido escrita há milhares de anos, mesmo assim, em muitos casos, é um livro atual. Agora com o que não concordo é que, muitos dão interpretações ao seu bel prazer, que nada tem a ver com o verdadeiro sentido do que significa determinadas passagens ou parábolas. Muitas colocações foram feitas simplesmente no sentido figurado, para representar algum fato ou acontecimento de épocas vividas completamente diferente das atuais.
  Razão tem o Papa Francisco, que está surpreendo ao mundo católico e até mesmo, despertando a indignação noutras ordenações religiosas, como o protestantismo, que de certa forma, muitas destas são extremamente radicais no que acreditam que é o certo no que a Bíblia quis de fato transmitir. Depois de milênios, vir um Papa moderno, com ideias avançadas, desdizer credos religiosos milenares em que se acreditou, realmente é assanhar um formigueiro de crendices dentro do próprio cristianismo. Final de ano passado mesmo, o próprio Para, levantou questionamentos sobre quinze condutas dentro de sua própria Igreja, que ele considera inadequadas para uma ordenação religiosa que firmou como regra de conduta e de convicções, alguns até querendo ser comparáveis com divindades e agora vem um Papa e coloca tudo isso em cheque, como pode?! É a visão de um homem inteligente que quer modificar uma Igreja que sempre foi opressora em longos tempos e nunca foi punida por isso. Daí ser pertinente as colocações papais, diante de uma organização religiosa secularizada e encaliçada por dogmas que já não se pode mais segurá-los a pretexto de se manter os fiéis dentro dessa mesma redoma de religiosidade ultrapassada.
   A primeira revelação do Papa Francisco, foi a de que, Adão e Eva, na verdade, nunca existiram, não passando na realidade, de um sentido figurado bíblico para a explicação da origem humana, fato no qual sempre acreditei, o que o leva mais para o lado científico dessa origem; outro questionamento do Sumo Pontífice, foi com relação à sexualidade das pessoas, em que ele declarou que se alguém seguir os mandamentos de se conduzir corretamente na vida, não estará perdido, mas sim, será acolhido por Deus. Indo mais adiante ainda, ele declarou final do ano passado, que os ateus também, teriam os seus lugares garantidos no reino de Deus, que seriam acolhidos. Logo, o Papa Francisco, tem uma visão de que, para a humanidade, em se conduzir dentro de determinados padrões de vida éticos e morais dentro da sociedade, sendo o bastante e suficiente para serem acolhidos por Deus, no que se acredita ser o correto, porque como é que se explica o sujeito passar a vida inteira fazendo o bem, embora não tenha crendice religiosa nenhuma e ir queimar na fogueira do inferno depois da morte. Por falar em Céu e Inferno, foi também por ele, levantada à questão de que, não existem no sentido como se pinta ser, esse Céu Paraíso, tampouco esse Inferno abrasante em chamas. Tudo na verdade, tem um significado figurativo.
   O que nunca acreditei em minha vida, foi a Igreja Católica pintar de que quem se comportar bem na Terra, terá um lugar garantido no Céu e que subirá ao Reino de Deus, todo vestido de branco, flutuando nas nuvens e com asinhas! Sinceramente, nunca fui muito de acreditar nessa história, que mesmo na ingenuidade de minha criancice, achava que estava mais para história de trancoso. Outra coisa é essa da volta de Jesus Cristo. Que ele existiu de verdade, disso não tenho a menor dúvida. Agora como o pintam, não dá para acreditar e de que ele voltará para salvar à humanidade, é só um fator de alimentação da crendice para ninguém sair da linha de sua ordenação religiosa. Não dá para acreditar nesse tipo de história, porque na verdade, ele era humano como qualquer um de nós, tendo, porém, o diferencial de se destacar dos demais pela sua pregação filosófica que mudaram os rumos da história da humanidade, por isso mesmo, sua palavra ainda é viva há mais de dois mil anos. Agora acreditar que ele vai voltar, há como se acreditar, porque se trata mesmo tão-só de mais uma questão interpretativa de quem acredita em determinada vertente religiosa dentro do próprio catolicismo.
  Não quero aqui dizer que em sede dessa ou daquela ordem religiosa, alguém está errado coisíssima nenhuma, apenas apresentando o meu ponto de vista e com adendo de reforço, tomo como exemplo a visão mais ampla do Papa Francisco, o Líder Máximo da Igreja Católica, que também não sou seguidor e não pretendo seguir religião alguma até o fim de minha vida. Acreditar que existe uma força superior, sei lá, um Criador que deu origem a tudo isso, com certeza acredito, mas não sei quem na realidade é Ele. Se Deus, Jesus, Maomé, Axé, ou seja lá qual denominação venha a ter, pouco importa. Só sei que nada veio do nada e até prova em contrário, a melhor explicação ainda, é a da ciência, se bem que, quem foi que deu sabedoria ao homem para chegar a tal conclusão? Tudo na verdade é muito polêmico e questionável quando se trata da origem da vida e de tudo isso que se encontra a nos rodear, esta é a verdade nua e crua. A verdade está envolta e vai continuar dentro de um grande Mistério insondável, intransponível e além da capacidade e inteligência humanas para chegar a ter o devido conhecimento.

Nenhum comentário: