QUEM REALMENTE SOU

Minha foto
BUÍQUE, NORDESTE/PERNAMBUCO, Brazil
A VERDADE SEMPRE FOI UMA CONSTANTE EM MINHA VIDA.

terça-feira, 20 de agosto de 2013

EDMILSON CHAGAS, O VELHO SABARÁ, MAIS UM DO JORNAL DE ARCOVERDE QUE SE MUDA DE LUGAR


   Edmilson Chagas, mais conhecido popularmente como Sabará, era uma pessoa serena, gostava da boemia, de fazer amizades, bater papo com os amigos e, principalmente, era um apaixonado por política. Era um intransigente arraesista de carteirinha, e foi um dos grandes defensores da candidatura de Lula à Presidência da República. Em Arcoverde, embora se auto rotulasse de comunista e socialista roxo, daqueles que não arredavam o pé de suas opiniões, geralmente navegava de conformidade com as ondas oscilantes da política local. Na verdade, sempre tendo trabalhado ligado à eletrificação rural, sempre teve em mente levar melhorias aos menos favorecidos, principalmente energia elétrica, sobretudo, era um grande defensor dos programas de Miguel Arraes, quando passou a eletrificar a Zona Rural e Pernambuco e também, entusiasta do Programa de Lula, Luz Para Todos, que levou energia elétrica para todos os recônditos do Brasil, os mais longínquos que se pudesse imaginar.
   Conheci Sabará, ainda quando trabalhava no BANDE e a partir que passei a a integrar a equipe do Jornal de Arcoverde, nos tornamos mais ligados, equipe esta, da qual ele fazia parte, a exemplo de William Pôrto, Cleto Padilho (já falecido), o próprio Enaldo Cândido (criador e fundador do Jornal), entre outros tantos colaboradores. Nesses trinta e dois anos do nosso querido jornal, já se foram para o andar de cima, mais ou menos cerca de 15 ou 16 colaboradores, sendo o último, o velho amigo Sabará, que no Bar Caldinho, onde sempre nos encontrávamos, para bebericar e bater papo, sempre foi uma companhia agradável com os demais colegas.

     O interessante é que Sabará, como sempre fazia, saiu na sexta-feira passada para Garanhuns, onde trabalhava e demorou a volta para casa. Preocupada à família, procurou fazer uma busca vindo a encontrá-lo na nesta segunda-feira no IML de Caruaru e a causa de sua morte foi parada cardíaca, certa por um motivo de infarto súbito. Ao velho amigo Sabará, se existir uma vida num mundo paralelo qualquer, que lhe seja reservado um bom lugar e, à família enlutada os meus mais sinceros pesares. 

Nenhum comentário: