QUEM REALMENTE SOU

Minha foto
BUÍQUE, NORDESTE/PERNAMBUCO, Brazil
A VERDADE SEMPRE FOI UMA CONSTANTE EM MINHA VIDA.

sábado, 28 de março de 2015

O INGREDIENTE PRINCIPAL PARA MUDARMOS DE VERDADE, É O PAÍS PASSAR POR UMA REFORMA POLÍTICA RADICAL, QUE MUDE DE CABO À RABO, INCLUSIVE ACABANDO COM PRIVILÉGIOS DE TODAS AS AUTORIDADES, POIS SÓ ASSIM, ESTAREMOS CUMPRINDO O ARTIGO 5º DA CONSTITUIÇÃO BRASILEIRA

POR UMA REFORMA POLÍTICA RADICAL


        Querem realmente mudar à política nacional de cabo à rabo? – Então para os que assim imaginam e querem mudanças de verdade e que, pelo menos venha a dirimir parte dessa bandalheira podre que ronda nossa política, a questão não é tão simples assim, mas vale à pena se tentar operar uma mudança política de verdade, senão, com mais um arremedo de mudança nessa seara, com toda certeza vai ficar o dito pelo não dito e a coisa vai rolar à solta do mesmo jeito, por que quando se trata de política, sempre existem os que sempre dão um “jeitinho” de dar nó em pingo d’água, esta é realidade palpável da qual estamos inseridos no momento presente.
     A questão de uma mudança política de verdade, não é só vontade exclusiva do Executivo não senhor, porque se este apresentar um projeto moralizante de verdade, com toda certeza, com esse Congresso Nacional de achacadores, como bem o disse o ex-ministro da Educação, Cid Gomes, com toda certeza, eles podem até fazer algumas mudanças pontuais, que não venham a lhes tirar alguns de seus principais privilégios e tapar brechas aonde eles canalizam as suas maracutais, assim como tapar o sol com uma peneira, por que a se imaginar uma reforma política radical com os políticos que compõem o nosso Legislativo Nacional, com a maioria extremamente conservadora, com toda certeza, não se vai ter a reforma que queremos, por que na verdade esse Congresso Nacional, é um dos mais conservadores dos últimos anos, e fazer uma reforma política que venha de fato, a moralizar os atuais hábitos políticos, dificilmente passará com o naipe de políticos que o povo elegeu para nos representar nas últimas eleições.
     Infelizmente, o nosso povo, está indo às ruas, em parte com certa razão, movidos também pela emocionalidade provocada ou até mesmo patrocinada por interesses escusos de terceiros entes que figuram por baixo dos panos, nos bastidores para não aparecerem, mas com a formação desse Congresso que temos no momento, não podemos jamais vislumbrar uma grande e radical reforma política, que venha cortar na própria carne, determinados privilégios e implantar outro sistema político que busque fechar mais o cerco para que assim, venha a combater, coibir e tentar diminuir o poder corrosivo da ladroagem escancarada e das nocivas práticas de corrupção, porque a gente se encontra refém de um Congresso Nacional composto de uma maioria picareta, esta é a verdade. Não vejo ainda funcionar como deveria, a lei da ficha limpa, tampouco o desbragado nepotismo em todas as esferas de poder, o que significa uma grande vergonha nacional.
      Acaso nosso povo quisesse de verdade, uma reforma política de cabo à rabo, estaria indo às ruas, não propriamente pedido o impeachment da presidente Dilma, mas sim, exigindo, não pedindo com uma cuia na mão, de verdade, uma reforma política que venha a implantar o voto distrital misto, a diminuição do mandato presidencial, acabar com a farra do financiamento privado de campanhas políticas, acabar com esse voto de legenda, em que quem não tem votos, com a sobra alheia, vem a se eleger, sem legitimidade para representar verdadeiramente o povo, criar a candidatura independente, para beneficiar quem não quer se filiar a partido algum, para, quem sabe, assim, se possa vir a eleger quem realmente merece, além de colocar na cadeia sem a menor cerimônia, políticos pegos na botija com dinheiro na mão comprando votos, mesmo que através de terceiras pessoas, o que tanto ocorre à olhos visto por todos os recônditos de nosso país, entre outras mudanças que venham de certa forma, tentar purificar o processo eleitoral, que se encontra podre pela árvore dos frutos envenenados.
     Também, o que certamente está bem longe de vir a acontecer, acabar de vez com privilégios de políticos, a exemplo do foro privilegiado, valendo também, para magistrados, promotores de justiça, delegados de polícia, enfim, de todos os naipes de autoridades, afinal de contas, o que diz o art. 5º de nossa Constituição Federal vigente, hem? – Será que combina com tantos privilégios desse pessoal, só porque, ocasionalmente ou mesmo vitaliciamente, venham a ocupar cargos importantes, tem direitos diferenciados, só porque estão sentados num pedestal superior? – Isso numa democracia não se justifica, muito menos, razão há, para existir.

     A minha posição, é justamente por aí, porque não adianta ir às ruas pedir isso ou aquilo, sem ter propriedade sobre o que realmente estão querendo. O Brasil, felizmente, é um país rico, só não tendo quebrado ainda, porque tem reservas econômicas que o impedem de vir a quebrar como ocorreu noutras ocasiões, mas por ser um país de grandeza continental, com muitas riquezas, mesmo com todas essas roubalheiras, saques tanto pelo poder público, quanto pela iniciativa privada, ainda assim, o país se mantém firme e com toda certeza, com os ajustes devidos, ainda seremos um grande país para que possamos nos orgulhar ainda mais de sermos brasileiros da gema.

Nenhum comentário: