SLIDE POSTAGENS

QUEM REALMENTE SOU

Minha foto
BUÍQUE, NORDESTE/PERNAMBUCO, Brazil
A VERDADE SEMPRE FOI UMA CONSTANTE EM MINHA VIDA.

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

COLUNAS DAS SEXTAS-FEIRAS - O OUTRO LADO DA MOEDA - O LADO OBSCURO QUE ESTÁ ESCONDIDO E NÃO QUEREM MOSTRAR

O OUTRO LADO DA MOEDA
O lado escondido, que colocam embaixo do tapete, que não é mostrado ao povo.

CORAGEM DE ASSUMIROs nossos vereadores, deveriam ser mais transparentes e ter a coragem de assumir que realmente votaram na surdina, nas caladas da noite, fazendo pouco caso de nosso povo, sobre o aumento de 13 para 15 vagas as cadeiras de vereadores. Pior, é que tendo sido a única pessoa a descobrir essa manobra tendenciosa e maliciosa dos senhores representantes de nossa gente, alguns deles querem me convencer de pés juntos, que a matéria foi colocada em discussão e votada em dois turnos, mesmo que no dia 25.08.2015, dias de aprovação de tal matéria, eu estivesse presente do início ao fim da sessão da Câmara e nenhum deles sequer fez menção a matéria alguma com relação a aumento do número de vagas. Sinceramente, o povo tem realmente os representantes que merece. Teve vereador, que para justificar o seu voto, disse que só votou porque era projeto de autoria do vereador Rômulo Camêlo e de que ninguém poderia ir de encontro ao vereador tio do prefeito. Aí pergunto, cadê a independência de cada um dos senhores vereadores?

DA LEGALIDADE DO PROJETO – A deixa deles, é de que se trata de uma questão de legalidade e de que, o aumento de vagas não repercute no aumento de despesas. Em primeiro lugar, claro que o duodécimo será o mesmo, entretanto, terá, ninguém sabe onde, que se construir mais dois gabinetes, mesmo que ninguém apareça na Casa Legislativa, vai haver maior corrupção para votação de matérias importantes para o município ou de interesse pessoal de alguém do executivo e na própria eleição de Mesa Diretora, haverá da mesma forma, maior dispêndio de dinheiro para quem vier a se candidatar presidente de cada período legislativo. Será que tudo isso não é aumento de despesas, mesmo que por baixo dos panos, hem minha gente amada de Buíque? – Tem mais, será que mandaram fazer uma pesquisa para saber se o povo deseja esses 15 vereadores ou os 09 existentes antes, que da mesma forma não serviam para nada, hem?

NEM TUDO QUE É LEGAL É MORAL – Outro fator de salutar relevância é o fato de que, nem tudo que é legal, é moral, a exemplo do aumento do número de vagas a pretexto de maior representatividade da população, só que, não é assim que acontece. Quando se elegem, todos eles não querem nem saber do povo e fazem de tudo somente visando seus próprios interesses, como eu mesmo já pude presenciar as chacotas, gozações e piadinhas contra os eleitores, chamando-os até de bestas, porque engolem tudo que eles querem, isso em meras farras e discussões em mesa de bar. Por essa razão foi que votaram esse projeto de lei às escondidas, na surdina, pois o povo é besta mesmo e daí? – Enquanto isso, ficam eles rindo à toa da cara do povo e ano que vem, em mais uma eleição, vão aparecer com a cara de óleo de peroba, para pedir mais uma vez o voto do eleitor, comprando com trinta moedas e novamente o povo vota neles e continua essa mesma molecagem de um pessoal que só quer saber se seus próprios umbigos, menos do interesse do povo, que no final de contas, não passa de jumentos mesmo, isso é o que eles pensam de você seus bestas!

O POVO NÃO QUER GENTE HONESTA – A triste realidade que a gente pode observar, é que em nossa terra ou em qualquer que seja o lugar, o povo pelo visto, não gosta de votar em quem é honesto, porque quem age com retidão de caráter, com honestidade e honra o seu mandato, não serve para ser corrupto e não o sendo, é inservível para representar o povo e exigir e impor moral nos poderes constituídos. Na verdade, grande maioria absoluta de nosso povo vota em crápulas mesmo sabendo do que são capazes e de quem são candidatos e fazem deles eleitos, mesmo sabendo que bem algum vão fazer à população, mas sim, para eles próprios. O povo deveria ser mais seletivo em quem deveria depositar o seu voto no botão da urna eletrônica, mas infelizmente isso ainda está difícil de acontecer. Na minha época de infância, vereador de Buíque não ganhava um centavo, mesmo assim, representar os buiquenses era uma questão honra, de orgulho para muitos de nossos vereadores antigos, os quais não existem mais neste mundo e nessa pisada de sempre escolher os piores, dificilmente se mudará esse quadro de picaretagem.

PARA QUEM NÃO GOSTA MUITO DE TERMOS QUE USO? - Estou sabendo que existem algumas pessoas (políticos!!!), que não gostam quando uso os termos “cabra safado, corrupto e ladrão!”, porque se sentem ofendidos. Bem, quando uso esse termo, que por sinal é tema de uma poesia de meu próximo livro, que está para sair, não é propriamente para os “bons” políticos, se é que sobra algum, mas para em quem a carapuça cair. Quem se achar ofendido, então, a carapuça ofertada foi feita sob medida, mas quem assim o for, que aguente as consequências ou mude a maneira política da ladroagem, da “safadage” de ser, é isso que gostaria de ver e desafio quem é capaz, desses que estão aí, de ser um político de verdade, de ser capaz de fazer o bem sem olhar a quem. Quem se habilita dos políticos que estão aí e dos que estão chegando no ninho da galinhagem, hem?

INDEFINIÇÃO DE CANDIDATURAS – Por enquanto, na questão de candidaturas, Buíque anda por águas turvas. Especulação existe muita, mas definição ainda, certamente nenhuma. Porém quanto à candidatura de Miriam Briano, se não houver alguma composição futura, do menino prefeito, certamente ela não será e até que poderá ter RC como vice, porém sem o apoio do tio, que pelo que tudo indica, está com a ideia fixa de que quem ele apoiar será eleito e seu candidato é Sossó. Bem, se ele tem essa certeza, melhor seria sequer se fazer eleição, porque em cada uma delas tem sido uma caixa de surpresas. Agora na questão de ele não apoiar Miriam Briano, só demonstra a falta de compromisso e ingratidão, próprias dele mesmo, porque não fosse o que eles sempre chamaram de “gata”, ele não teria chegado nem perto das escadas da prefeitura, que na realidade, ele nunca subiu, a não ser no último sete de setembro, para dizer umas poucas tolices, nada mais que isso. Quanto à oposição, está em formação, em discussão e daqui para lá, com certeza, um candidato se formatará e podemos ter uma oposição unida ou despedaçada, além de outras surpresas que poderão surgir nesse tabuleiro de nossa política buiquense.

Nenhum comentário: