SLIDE POSTAGENS

QUEM REALMENTE SOU

Minha foto
BUÍQUE, NORDESTE/PERNAMBUCO, Brazil
A VERDADE SEMPRE FOI UMA CONSTANTE EM MINHA VIDA.

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

BASTOU BATER A PORTA DO CARNAVAL, QUE LOGO APARECEU POR ESTAS PLAGAS, UM VELHO CURURU-DE-TROVOADA, QUE SÓ MAL FEZ A BUÍQUE ENQUANTO NO PODER, IGUALMENTE A QUEM O SUCEDEU



     Pelo andor da carruagem, dá para se sentir que provavelmente, isso se não houver uma guinada de consciência de grande parcela de nossa população, ainda poder-se-á ter em Buíque, a repetição da mesma malfadada política de sempre, em que quando se está fulo da vida com quem está no poder, aí se busca o que nunca prestou de volta, só para se vingar das maldades daquele que jamais se poderia em hipótese alguma, se ter dado mais uma oportunidade, porque o tempo em que esteve no poder já se foi e nada de positivo deixou em nossa terra, a não ser a tê-la colocado no atraso governando com descaso, como se fora um feudo familiar, uma verdadeira casa de Noca, próprio daqueles que nunca teve, tem ou terá compromisso com o nosso povo, a não ser quando em períodos esporádicos dão o ar de sua graça, só para com a sua máscara de cururu-de-trovoada, querer demonstrar que está mais uma vez à disposição de nossa gente, mas não lembra que no poder, o que fez foi humilhar nosso povo, menosprezá-lo e deixá-lo no buraco negro em que sempre esteve e que, quem o sucedeu, prometeu ser diferente, mas no frigir dos ovos, fez tudo igual a quem vinha de uma mesma linhagem doutrinária de antes no poder, para decepção maior dos buiquenses que depositaram um voto de confiança, lhes deram uma carta branca nas eleições de 2008, e ainda por cima, mesmo errando, se deu mais uma vez em 2012.
    Sou um dos responsáveis? – Claro que sou! – Sabia de perto, mas tinha esperanças de mudar, mas quando se dá o poder a alguém, no geral é sempre para piorá-lo ou então para se mostrar quem realmente é de verdade. - Tenho ciência própria de ter errado por duas vezes, só que, no meu caso particular, não sou obrigado a permanecer no erro para sempre, tampouco de votar, porque estou rompido politicamente com o atual gestor, em quem foi da mesma iguala que àquele. Isso! - jamais farei! – Tem-se colocado nomes competentes como alternativas de poder, mas pelo visto, o povo só tende mesmo a se voltar para algumas candidaturas que representam o atraso, ou então quem sempre esteve perto do poder, mas por uma questão de pura conveniência pessoal, nunca deu um pio em favor dos interesses do povo, mesmo sabendo de per si, de dentro da horda, que os interesses da municipalidade estavam sempre sendo usurpados por essa gente que sempre se manteve alternativamente no poder nas últimas décadas. Como diz o dito popular, “Quem cala, consente!” – Queiram ou não, mas esta é a mais pura verdade.
    Votar em uma candidatura que sempre buscou ver primeiro os seus interesses pessoais, de seus familiares e de um grupinho do clube do Bolinha mais chegados, não é a opção mais inteligente do povo buiquense, para poder se dar o troco a quem depois de 2008, só vem tratando nosso povo como gentalha, cachorro escorraçado pelo dono, nosso Buíque como curral eleitoral do coronelismo do mesmo naipe de sempre, e a administração pública, como uma entidade particular mal gerida, que só não quebra em bandas mesmo, porque se trata de uma coisa pública, senão, ninguém encontrava pedaço algum, sequer uma minúscula partícula de poeira no espaço, de um município em que administrativa e irresponsavelmente despedaço por alguém que tendo a oportunidade, não buscou encarar a sua responsabilidade que deveria ter, à sério. Doendo ou não, a verdade tem que ser dita e a essa altura do campeonato, depois de mais de sete anos de poder, o que o povo pode fazer por seu município, é buscar votar numa pessoa que tenha passado, história, responsabilidade, honestidade e retidão de caráter, mesmo que não se nutra simpatia pessoal com quem tem esse perfil, isso para o bem de nossa coletividade, senão a vaca tende mais uma vez a ir para o brejo, por mais uma irresponsabilidade de escolha de vingança, ou por compra de voto do próprio eleitor, o que só virá a afundar mais uma vez a nossa combalida terra, que tantos sopapos de tanto arremedo de administrador público irresponsável e descompromissado com os interesses do povo e com a coisa pública, tem repetidamente recebido, nada mais que isto.
    Então minha gente, o que não podemos é continuar nessa mesma pisadinha de sempre, de buscar por alguma razão qualquer, ficar nesse joguinho pra lá e pra cá, nessa política de apenas dois cordões, o encarnado e o amarelo ou azul, que ninguém vai ajudar a desenvolver nossa terra não senhor! – Se querem realmente mudar, não se deixem dobrar pelo dinheiro de origem duvidosa, tampouco, deem o seu voto simplesmente por vingança não! – Busquem alternativas outras, que estão timidamente colocadas à disposição de nosso povo, que só assim, seremos capazes de mudar esse ciclo vicioso de sempre em que tem se alternado apenas de um lado para outro, esquecendo que em Buíque, existem muitos valores que com certeza merecem uma chance de cada um que faz parte de toda a coletividade buiquense. Não se deixem enganar mais uma vez pelo canto da sereia, venha este de onde vier, nem de quem já foi, tampouco de quem está, porque está mais do que provado por A + B, que nenhum dos dois lados desses cordões, se prestam mais para se ter uma chance por Buíque, nem mesmo quem eles apresentarem como seus prepostos. É hora de inovação, porque de velharias ultrapassadas, em termos de práticas políticas de sempre, há de se acreditar que Buíque não mais consegue aguentar tanto administrar irresponsável, barato, usurpador e descomprometido com o nosso povo. Basta olhar a história de cada um deles, tanto de quem já foi, quanto de quem está no poder, quem sabe com um pouco de reflexão e de se voltar ao passado, seja uma boa terapia para se conscientizar para a escolha mais adequada para governar Buíque no quadriênio que se inicia a partir de janeiro de 2017. 

Nenhum comentário: