SLIDE POSTAGENS

QUEM REALMENTE SOU

Minha foto
BUÍQUE, NORDESTE/PERNAMBUCO, Brazil
A VERDADE SEMPRE FOI UMA CONSTANTE EM MINHA VIDA.

domingo, 16 de outubro de 2016

O REI DESTRONADO, REI MORTO, QUE PODE SER RENASCIDO DAS CINZAS, A DEPENDER DE QUEM O DESTRONOU!


       Até que enfim chegou o final de um reinado. Os reinados não deveriam ter um tempo assim tão longo dirigindo impiedosamente o seu povo. O tempo deveria ser mais curto, mas como em reinado não existe democracia e se existe, é manipulada, por isso mesmo é que pode ser elastecido assim por tanto tempo, mas finalmente, vai chegar até o último dia, e o povo infeliz, vai voltar a ser feliz novamente.
       Também camarada, só D. Pedro II, é quem teve o privilégio de com apenas 15 anos de idade, assumir o trono brasileiro na época do império, mas ele tinha José Bonifácio de Andrade para dar-lhe o devido suporte, por isso mesmo, ficou por 70 anos no poder, até vir a ser golpeado pelo Marechal Deodoro da Fonseca, em 1989, para implantação dessa republiqueta de bananas. Infelizmente não estamos numa monarquia e, essas mudanças cíclicas de poder, nos livram de certas inconveniências políticas, para que o reinado não se perpetue por tantos anos, senão a catástrofe seria dantesca e talvez o povo, embora ignaro, não viesse a suportar mais dor e sofrimento por tanto tempo, se bem que, existe muita gente que merece o governante que chega a colocar no poder, mesmo que não mereça nem ser xeleléu de vassalo do rei.
    A meu ver, reinados não poderiam jamais se perpetuarem para sempre, e seus conselheiros, deveriam ser reciclados por um determinado tempo, para não se ficar naquela mesmice da mesma vassalagem de sempre, que de qualquer forma, obedecerão por gravidade, cegamente ao rei, basta que este lhes abasteça de propinas, presentes, uma ajudazinha aqui, outra acolá e tudo bem e em sendo assim, todo reinado sempre tem unanimidade naquilo que quer do povo fazer, se para o bem, ou mal, ninguém pode adivinhar.
       Pois é, dizem que todo o povo tem o governante que merece. Acredito que não é bem assim. O povo ao colocar certo reizinho no poder, e quando ele imagina mandar no pedaço, quando menos se espera, leva uma rasteira que para se levantar se torna difícil, a não ser que o que vai lhe suceder, não busque fazer tudo diferente para agradar ao seu povo, aí sim, corre o risco de cair na mesma emboscada. D. Pedro II, apesar de ter assumido o trono com apenas 15 anos de idade, fez um bom reinado, da mesma forma D. Pedro I, que assumiu o Brasil em 1822, numa pindaíba de dar dó, porque D. João VI, seu pai, quando saiu do Brasil com a vassalagem para Portugal, roubou tudo que existia nos cofres públicos do país, a ponto de seu filho ter que apiedar-se da Inglaterra para poder administrar a colônia portuguesa, que era ditada pelo seu pai, mas tudo terminou dando certo, até que ele mesmo também, foi pelo mesmo caminho do pai, aqui ficando o seu irmão, que pegou um reinado corrupto, porém ainda controlado pela monarquia corrupta.
       Isso nas sucessões atuais de muitos reinados, não vai acontecer, porque dilapidaram tanto o poder público, que com certeza se vai ter muito trabalho e dor de cabeça para colocar a casa em ordem, mas como hoje, o poder é reciclado, aos vencedores, que descasquem o abacaxi e é o que se pretende fazer.

Nenhum comentário: