SLIDE POSTAGENS

QUEM REALMENTE SOU

Minha foto
BUÍQUE, NORDESTE/PERNAMBUCO, Brazil
A VERDADE SEMPRE FOI UMA CONSTANTE EM MINHA VIDA.

sexta-feira, 17 de março de 2017

PREFEITO DE MUNICÍPIO, SÓ NÃO TRABALHA SE NÃO QUISER!

Praça da Vila do Catimbau hoje, diferentemente do verdadeiro estado de abandono que era meses atrás.

    Toda administração pública de entes federativos, a exemplo de municípios como Buíque, quando o antecessor é derrotado, a bagaceira que fica, é generalizada, como ficou nosso município, apesar de que, de qualquer forma, mesmo que tivesse ganho, a sua candidata iria enfrentar uma situação similar, de verdadeira terra arrasada e com toda certeza, já teria rompido com o seu apoiador, como sempre fora sua vontade, apesar de sempre se manter discreta em sua posição de vice-prefeita, para poder ganhar o seu apoio, assim mesmo, não chegou a lograr êxito em sua campanha, porque o desgaste de quem destruiu Buíque, era demasiadamente grande, daí que, quem ele apoiasse, com toda certeza seria derrotado, não para qualquer um,  mas para uma personalidade pública estruturada, como sempre foi o atual prefeito, aí, diga-se de passagem, a coisa foi diferente e redundou em sua avassaladora vitória.
        É mais do que evidente que, numa situação em que Buíque foi encontrado, o caos dominante em toda região geográfica do município, o sucessor, com a responsabilidade que deve ter, não poderá jamais ficar de olhos fechados e de bico calado, porque senão, poderá ser conivente com tudo de ruim, ilegal e irresponsável com que trataram a nossa gente, que não merecia de forma alguma, ser governada com coisa pior, mas como geralmente isso sempre acontece por estas plagas, o imprestável em determinadas circunstâncias, vem a ser tido como aprovado pelo eleitor, de formas espúrias, repugnáveis e ilegais, mas vem, e isso é um mal maior que deve ser combatido, mesmo que dure duzentos anos para à frente. O que não se pode é compactuar com toda essa sorte de maus administradores públicos em Buíque e nosso povo ficar sempre calado e apoiando essas desgraceiras, que devem indiscutivelmente ser varridos de uma vez por todas de nossa política, esta é a verdade, doa em quem doer.
       A questão que se levanta, é o fato de que, mesmo tendo Buíque ficado em verdadeiro estado de calamidade pública, ainda assim, com pouco mais de 60 dias no poder, o atual gestor vem demonstrando que, com a habilidade, a experiência que tem, vem fazendo um trabalho surpreendente e a cara de nossa terra, que era extremamente deplorável, já se mostra de outra forma, sendo motivo de reconhecimento e de elogios por toda a nossa região, porque é isso que está acontecendo nesse novo governo que assumiu a partir de 02 de janeiro do ano em curso. A cidade, as vilas, os povoados, as pessoas da zona rural, senão no momento que exigem, mas todos estão de certa forma, sentindo a presença governamental em cada região, porque o nosso município chegou realmente nas mãos de quem faz e de "quem sabe faz a hora, não espera acontecer."
      É mais do que claro e compreensível, que pela dimensão dos problemas deixados, nem tudo poderá ser resolvido num abrir e fechar de olhos, porque minha gente, os problemas malditos herdados pela atual gestão, são enormes, porém com criatividade, com a máquina funcionando a todo vapor, com toda certeza, serão aos poucos resolvidos, como na realidade vem sendo administrada com uma boa equipe, toda a estrutura do poder municipal buiquense. Não estou aqui, para falar tão-somente das coisas positivas, mas que, em se comparando como Buíque estava e como está agora, com toda certeza estamos caminhando para chegar próximo do Céu, porque chegar ao paraíso, é coisa impossível ou de difícil acesso. Mas a ordem, a nota administrativa de Buíque no momento, é trabalhar pelo povo e tratar bem a todos, indistintamente, mesmo que não se possa atender determinadas demandas em certos momentos, mas vamos de mãos dadas trabalhar sempre por um Buíque cada vez melhor, e é isto que queremos e é assim que a nossa gente quer e deseja, então povo buiquense, quando se pensa nas carências deste povo, com certeza se trabalha para fazer.          

Nenhum comentário: